deboche

hoje me toquei que a palavra ‘deboche’ vem do francês débauche…mas o nosso deboche geralmente não é usado no sentido do original ‘débauche’, isto é, libertinagem…

deboche aqui é usado mais no sentido que passei na pele hoje!

um amigo me mandou um presente pelos correios, mas esse amigo mora em outro pais e o presente não era nada barato e no final das contas, a merda da alfândega resolveu cobrar taxa…engraçado que nada nesse pais funciona da forma que deveria, mas quando se trata de tributos, temos a melhor eficiência do mundo né? pra controle e pra cobrar…inacreditàvel.

dai que não tenho condições de ir nos correios durante a semana por causa do trabalho, então deixei pra ir nesse fim de semana.

dai que meus pais vieram fazer uma visita aqui, chegaram na quinta e sairam no sàbado de manhã. mas antes de ir embora, meu pai neurotico com toc adiantou todos os relogios da casa.

dai que ele deixou um bilhete avisando que todos os relogios foram alterados.

dai que eu achei que tudo bem, crendo que a droga do horario de verão foi de sexta para sàbado, jà que ele resolveu alterar os relogios né?

dai que eu planejava ir nos correios la pelas 10am do sàbado, pra não correr nenhum risco.

dai que eu chego là crente que era 10:40; mas era 11:40.

dai que tava lotado e muito abafado, resolvi esperar ser atendida sentada nos degraus dos correios do lado de fora.

dai que quando estava perto de chamarem meu nùmero, resolvo entrar.

dai que a guardinha fubanga do correio não quis deixar eu entrar.

dai que eu tava com a senha na mão e pedi pra mulher deixar eu entrar e ai veio o deboche da criatura.

dai que ela retoricamente perguntou se eu nao tinha visto a hora que ela veio ali fechar a porta rotatoria e eu falei que não.

dai que perguntei pq q ela nao tinha ao menos me avisado, ja q ela tinha percebido que eu estava ali do lado de fora sentada esperando.

dai que perguntei isso apenas para testar o nivel de maldade da pessoa, afinal de contas ela tanto me viu esperando do lado de fora que ‘perguntou’ se eu nao tinha visto a hora que ela veio trancar a porta.

dai que nessa hora ela resolveu falar que nem sabia que eu tava la.

dai que algumas pessoas quando colocadas numa situaçao de poder, por mais temporàrio e minimo que possa ser, isso lhe sobem à cabeça e deixa elas se acharem mais do que são.

dai que eu fiquei ligeiramente puta com a pachorra dessa cachorra, o tempo todo dando um risinho sàdico com sua beiçorra, como se estivesse tirando a desforra.

dai que parecia que ela so faltava gargalhar e ter orgasmos da minha situação desvantajosa.

sério agora. por que fazer uma coisa dessas com uma pessoa que você nem conhece e que nunca te fez nada? tão desnecessàrio, tão mesquinho. uma pobreza de espirito sem tamanha.

depois disso veio um funcionàrio dos correios falar comigo na maior civilidade e gentileza, contrastando imensamente com a atitude escrota dessa boçal. espero que a seleção natural se encarregue de extinguir criaturas da laia dela.

em apuros!

tive uma entrevista de emprego muito importante e não podia me atrasar. era com o diretor do departamento! big deal for real!!!

ja estava quase pronta para sair, faltava so trocar as coisas de uma bolsa para outra, pq essa é a merda de ter que se vestir de social: tem que usar bolsa de gente grande. dai tirei tudo da minha kipling e pus na bolsa de couro marrom que minha irmã me deu.

exceto que ontem eu tinha ido ao supermercado com a minha tote bag, e minha carteira ficou là!

talvez eu não tivesse esquecido se não tivessem me ligado de ùltima hora pra que eu enviasse meu cv em inglês para eles…mas tudo bem.

eu sai na pressa, mas estava ainda on schedule. dai ocasionalmente passa pela minha cabeça que eu havia esquecido minha carteira e não tinha um puto dentro da bolsa. cérebro babaca.

não dava mais tempo pra voltar pra casa, então fui na fé…sem saber como voltaria pra casa, porque pelo menos eu tinha lembrado de por no bolso o bilhete de ida do metrô.

tudo correu bem na entrevista, que foi toda em inglês. não tenho problemas pra me expressar em inglês, mas fiquei meio nervosa na hora, então escorreguei vez ou outra. espero que não tenham percebido hahahaha

todos realmente muito inteligentes e simpàticos, eu realmente quero trabalhar com esse povo!

na hora que estava saindo me falaram que parece que o diretor gostou mesmo de mim porque ele fala mais quando gosta do candidato hahaha e dai perguntei se nao foi assim com os outros candidatos que estariam concorrendo comigo, e falaram que não! que eu praticamente jà tinha um pé là dentro! ohlalalalalala espero que dê certo!!!!

daì saì de là toda contente e serelepe, ignorando momentaneamente o fato de que agora tinha um pepino pra resolver: como voltar pra casa. rs

pensei em quem poderia ligar, que pudesse estar na àrea pra me emprestar a grana do metrô…mas ninguém me veio à mente. pensei para quais amigos poderia ligar, que poderiam me ajudar…ninguém me veio à mente. que triste não??? uma cidade tão cheia de gente como são paulo e eu sem amigos! em pensar que em um ano morando na frança eu fiz mais amigos do que no brasil hahaha

então quando a gente não pode contar com amigos, a gente faz o que? pensa na famìlia!

liguei pro meu irmão, esperando que ele atendesse…até que finalmente ele atendeu! estava dormindo…respondeu com a sutileza de quem estava num òtimo sono e foi interrompido inadvertidamente.  expliquei minha situação tragicômica e não sò ele topou me ajudar, como me chamou para almoçar! eeeee free lunch! com direito a uma deliciosa sobremesa…

nem parece que quando éramos mais jovens, brigàvamos pior que israel e palestina!!!! hahaha

e encerro o post com este provérbio de salomão:

A friend loveth at all times, and a brother is born for adversity. – king solomon

é uma bosta envelhecer

qualquer pessoa que fale o contràrio é porque està se iludindo!

você envelhece, seu corpo envelhece junto. você começa a ter mudanças indesejàveis bastante perceptìveis. seu metabolismo jà não é o mesmo. certas depressões começam a aparecer na pele do seu rosto. você começa a sentir certas partes do seu corpo que você nunca antes prestou atenção.

quando eu era criança, via os velhos se movimentando devagar e com dificuldade, fazendo caras de dor. eu nunca entendia. hoje em dia eu sinto isso na pele! hahaha meu joelho que o diga!

depois que você faz 24, o tempo VOA. você deixa de estar nos seus ‘early twenties’, dà uma passadinha ràpida nos ‘mid-twenties’ e vai logo para os ‘late-twenties’. e daqui a um pulo você jà tem 30.

e daì vem a pior parte: as cobranças da sociedade, isto é, casar, ter filhos, ter carreira, ter determinado comportamento, enfim…ser um adulto 24h por dia.

mas a vida é minha e eu quero fazer o que eu tenho vontade de fazer, independentemente do que a sociedade acha que é pertinente à minha idade.

enfim. continuarei a fazer o que tenho vontade de fazer e tentar não me intimidar com as pressões da sociedade.

afinal de contas, não importa a idade que você tenha, todos temos o mesmo objetivo: fazer aquilo que nos faz feliz.

não nasci pra esse clima

sério. tà um calor da porra ultimamente e eu sonho em poder arrancar minha pele fora.

falando em pele, ganhei uma brotoeja, uns pontinhos vermelhos na pele, cortesia do verão. me autodiagnostiquei pela internet que tenho miliaria. (pfff quem precisa de médicos? kkkkk)

ta tão calor que meu corpo està constantemente se superaquecendo no menor esforço fìsico, em consequência disso, minhas glândulas sudorìparas (que palavrinha!) estão trabalhando feito isauras e alguns dos meus poros não deram conta de tanta atividade e ficaram bloqueados. assim, o suor não tem como escapar para a superfìcie da pele e fica preso numa camada da derme, causando uma reação inflamatòria.

essa miliaria sò aparece quando eu estou me exercitando. exercìcio por si sò jà aumenta a temperatura interna corporal, imagine então quando a temperatura externa està quase 40 graus? por mais que eu transpire loucamente, meu corpo nunca vai se esfriar o suficiente.

o wikipedia diz que para prevenir essa inflamação, você deve evitar atividades que façam você suar e lugares quentes e hùmidos. ou seja, que eu fique sedentària e me mude de hemisfério. estou me exercitando todos os dias e toda vez aparece essa maldita da miliaria. como que eu vou emagrecer se meu pròprio corpo està me sabotando? mimimi

ventiladores não são suficientes e ar condicionado não é uma opção. nos paìses onde o frio predomina durante a maior parte do ano, todas as casas e ambientes são equipados com aquecedores. aqui o calor predomina, mas ar condicionado é tão escasso quanto homem bonito por aqui. NOT FAIR!!!

sò me resta mesmo é me mudar pro hemisfério norte! eu tenho um urso dentro de mim, qualquer coisinha minha temperatura interna aumenta, morar no hemisfério sul não ajuda!

a verdade é que eu trocaria esse calor infernal pelo inverno polar dos eua num piscar de olhos.

ai que saudades do inverno europeu….

é tão legal se vestir pro tempo frio, todo mundo sempre tà elegante com suas echarpes, chapeus, botas, luvas e casacos. ao passo que, quando ta quente, é impossìvel ficar linda! você està sempre suando, sua pele fica oleosa e os desodorantes não têm a mesma duração. você quer vestir o mìnimo de roupas possìvel.

sem contar que quando està frio, basta vestir roupas quentes que você fica aquecido aonde você for. mas quando està quente, você não tem a opção de vestir roupas frias, pq essas infelizmente não existem. e você também não pode simplesmente sair por aì pelado. pior ainda, dependendo da sua profissão, você não poderà usar bermudão, regata, blusa de alcinha, shorts, minissaia, etc. não dà pra você se livrar do calor, exceto se você estiver dentro de uma piscina, de uma sala com ar condicionado, ou de um frigorìfico.

outra razão pra odiar o calor: INSETOS NOJENTOS POR TODA PARTE. essas pestes não sò amam esse tipo de clima, como também adoram se alimentar de nossos corpinhos.

e como se você não precisasse de mais uma outra razão para odiar o calor: CÂNCER DE PELE. além do repelente, você também tem que se besuntar com protetor solar fator 3000000.

em resumo: o verão é uma merda.

preciso ser resgatada daqui! alguém me leva pro hemisfério norte de novo!!!!!

Saindo da toca por alguns minutos

Fui na Paulista hoje. Apenas andando meio sem rumo, peoplewatching (observando pessoas), vendo o que mudou e o que não mudou.

Eu mudei muito, mas pouco mudou por aqui.

E aquela onda de manifestações no Brasil todo hein? Falavam que não era por 20 centavos, mas foi a ùnica que coisa mudou (ou melhor, que NÃO mudou, pois o aumento foi revertido rs).

Enquanto estava na França, o povo me perguntava o que eu achava dessas manifestações e eu dizia que so teria uma opinião formada depois que voltasse e visse com os meus proprios olhos…mas eu voltei e não vi nada…

Então o povo ganha atenção da midia internacional, faz barulho, faz zona, se cansa e no fim todo mundo volta pra sua vidinha mais-ou-menos e fica por isso mesmo…

O gigante acordou, apertou o botão snooze do despertador e disse ‘so mais 5 minutinhos’…

uma semana

essa semana passou como uma lesma pra mim…ainda não tenho um trabalho, portanto, nada pra fazer do que comer, ver filmes e dormir. bem deprimente…a cada minuto que eu passo aqui tenho mais convicção de que não deveria ter voltado…a vida de repente perdeu a graça pra mim…preciso da minha cachorra!